CONVITE – CINE FESTA


Arte do convite:  Paulo Matavelli

Anúncios

BOLETIM – Trupe


BOLETIM TEATRAL

Trupe Ortaética de Teatro Comunitário

Maio de 2011

Enfim mais uma grande festa a vista! Nossos festejos temáticos desse semestre acontecerão no dia 28 de Maio no Palácio dos Trabalhadores a partir das 18h30 com a exibição do Documentário “Doutores da Alegria” e em seguida as portas sindicais se abrem para o desfile de personagens do cinema de toda parte do mundo. Os ortaéticos personificados farão uma grande festa com muitas improvisações teatrais, música e dança.

A turma de sábado de intervenções e performances estão a todo vapor com suas experimentações lideradas pela dupla Tiago Ortaet e Ivana Kloster. A turma se dedica a pesquisar referências sobre o amor e urbaneidades. Um dos textos de pesquisa é um reflexivo texto do “Cordel do fogo encantado” além de idéias dos integrantes da turma.

A turma de adolescentes estão estudando mitologia e passarão por uma vivência teatral tematizada pelos 4 elementos (água – ar  fogo – terra) promovida pela Professora Thais Aguiar. A professora estreou essa semana mais um espetáculo como atriz no Teatro Alfa em São Paulo. O espetáculo “3 Casas” dirigido por Calixto de Inhamuns, Gabriela Rabelo e Paulo Faria. Haverá uma apresentação fechada para todos os alunos da TRUPE e de outras instituições sócio-culturais.

Já foi aprovada a nova camiseta da Trupe Ortaética que nesse ano traz uma imagem simbólica que provoca diferentes interpretações, além de uma frase antológica do teatrólogo Augusto Boal. Muito em breve faremos o lançamento da camiseta.

O grupo de terça-feira está em processo com a peça “Pátria que me pariu” inspirado na canção de “Gabriel, o Pensador” que aborda a segregação social. O grupo fará uma pesquisa de campo na Praça da Sé, capital Paulistana, no próximo sábado.

O Núcleo Coexistência, uma das turmas de pesquisa da Trupe Ortaética, está produzindo o espetáculo “Assim caminha a humanidade” de Thiago Cohen, com uma critica ácida sobre a “culpabilidade do homem em relação aos problemas sócio-ambientais”. Essa ramificação de artistas tem pesquisado em vídeos, imagens e livros sobre o tema da questão ambiental.

Estamos bem próximos da 6ª edição da nossa celebração teatral, o VI FORMARAU acontecerá dia 02 de Julho e reunirá alunos, artistas, amigos e familiares para conferirem os processos de criações desse ano.

Paraíso Perdido


Balé da Cidade de São Paulo estréia coreografia inédita!

Bailarinos durante ensaio da peça Paraíso Perdido, do coreógrafo Andonis Foniadakis, na sede do balé de SP.

A coreografia foi concebida pelo grego Andonis Foniadakis, que coleciona passagens pela companhia do francês Maurice Béjart (1927-2007) e por grupos como o Ballet du Grand Théâtre de Genève e o Balé da Ópera de Lyon.

A montagem parte de telas do pintor holandês Hieronymus Bosch (1450-1516) e mistura referências ao sagrado e ao profano para falar de aspectos da natureza humana como o prazer e a fúria.

Os figurinos sensuais do estilista mineiro João Pimenta revelam a tentativa de despir o indivíduo das máscaras que escondem suas verdadeiras sensações.

Sesc Vila Mariana Teatro

R. Pelotas, 141 – Vila Mariana – Sul. Telefone: 5080-3000.
Aceita os cartões Amex, Diners, MasterCard, Visa. Ingresso: R$ 6 a R$ 24.

Não tem área para fumantes. Não aceita cheques. Não aceita reservas. Não tem ar-condicionado. Não vende ingresso pelo telefone. Tem acesso para deficiente. Tem local para comer. 608 lugares. Estac. (R$ 6 a 1ª h mais h adicional).

Quando
quinta: 21h
Até 8/5.

Fonte: Guia Folha